Implementação de Medidas de Autoproteção em SCIE

Sinopse
O curso aborda as Medidas de Autoproteção e a gestão de segurança contra incêndios em edifícios, enquadrada pela legislação vigente. No ciclo de vida dos edifícios, as Medidas de Autoproteção visam manter as condições de segurança estabelecidas em projeto e concretizadas na sua construção. Trata-se de uma das principais alterações decorrentes do decreto-lei n.º 220/2008 que veio unificar a legislação dedicada à segurança contra incêndio, que estava dispersa. Passados estes anos e após três alterações, estas medidas ainda são desconhecidas por muitos cidadãos e entidades responsáveis pela manutenção e gestão de edifícios. Pretende-se com este curso que os participantes saibam: • Reconhecer a importância das Medidas de Autoproteção; • As obrigações legais dos Responsáveis de Segurança dos edifícios e Utilizações-Tipo (UT); • Identificar as Medidas a aplicar, em que consistem e a legislação correspondente; • Elaborar as Medidas de Autoproteção dependendo da UT e categoria de risco; • Implementar as Medidas numa UT. O curso terá a apresentação de casos práticos e terminará com um exercício de aplicação. Competência de saída Os participantes ficarão preparados para saber identificar e aplicar as Medidas de Autoproteção em Edifícios de qualquer categoria de risco e Utilização-Tipo. Para além de dotados dos conhecimentos de Segurança Contra Incêndios em Edifícios, da legislação aplicável, e qual a sua importância na salvaguarda de vidas e bens, bem como as obrigações legais decorrentes da legislação em vigor, também poderão, desde que devidamente habilitados para tal, poder elaborar ou modificar Medidas de Autoproteção para edifícios novos ou existentes.
Destinatários
Membros e não membros. Engenheiros Civis, Eletrotécnicos, Mecânicos, responsáveis pela manutenção e gestão de edifícios, e todos os interessados nesta temática. Pré-requisitos: É importante que os participantes sejam detentores dos conceitos basilares de SCIE, designadamente: • Conhecimentos gerais das exigências contidas no RT-SCIE; • Conhecimentos gerais de sistemas e equipamentos de segurança e de instalações técnicas.
Formador/a
João Emílio S. C. de Almeida Engenheiro Informático Industrial pelo ISEP, Doutor em Engenharia Informática pela FEUP e Mestre em Segurança Contra Incêndio Urbanos pela Universidade de Coimbra (FCTUC). Projetista, consultor e formador em SCIE há mais de 20 anos com larga experiência na área. Autor de numerosos projetos de SCIE e Medidas de Autoproteção em centros comerciais, hospitais, hotéis, indústria, entre outros. Consultor externo na Casa da Música desde 2007. Dissertação de Mestrado em 2008 com o título “Organização e Gestão da Segurança em Incêndios Urbanos”. Membro Sénior da OE, com Especialização em Segurança.
Conteúdos programáticos
-Legislação SCIE:
  • Conceitos gerais de segurança contra incêndio em edifícios (SCIE)
  • Regime Jurídico de Segurança contra Incêndio em Edifícios (RJ-SCIE) e o Regulamento Técnico de SCIE (RT-SCIE)
  • Utilizações-tipo (UT) e Categorias de Risco (CR)
  • Responsável de Segurança
  • Delegado(s) de Segurança
-Medidas de Autoproteção:
  • A que edifícios (ou UT) se aplica
  • A elaboração das Medidas de Autoproteção e quem é responsável pela sua implementação
  • Quem é responsável pela sua elaboração
  • Quais são os elementos que consituem as Medidas de Autoproteção (Registos de Segurança, Procedimentos de Prevenção, Plano de Prevenção, Procedimentos em caso de emergência, Plano de Emergência Interno, Formação em SCIE e Simulacros).
-Prevenção em SCIE:
  • Procedimentos de prevenção
  • Plano de prevenção
  • Plano de manutenção de equipamentos ligados à SCIE
  • Caso de estudo
-Procedimentos em caso de emergência e Plano de Emergência Interno (PEI):
  • Procedimentos em caso de incêndio
  • Outros procedimentos (ameaça de bomba, sismo, emergência interna, outros)
  • Plano de Emergência Interno (PEI)
  • Caso de estudo
-Registos de segurança:
  • Organização dos registos
  • Manutenção de equipamentos e sistemas ligados à SCIE
  • Caso de estudo
-Formação e Simulacros:
  • Sensibilização e formação em SCIE destinada a utentes de um edifício
  • Organização e preparação de um Simulacro
  • Caso de estudo
Observações
Idioma: Português Carga horária em sessões assíncronas (estimativa de tempo de autoestudo, fórum e etapas sem intervenção síncrona dos formadores): 10h Carga horária em sessões síncronas: 4h Duas sessões síncronas facultativas, para esclarecimento de dúvidas. Datas e horário das sessões síncronas: das 14h30m às 16h30m, nos dias 25 março e 01 abril. Avaliação: submissão de um trabalho prático disponível de 01/04 a partir das 18h30m até às 23h59m do dia 06 de abril 2024 (prevê-se um tempo máximo de resolução de 2h). Certificação: Concluída a ação de formação com aproveitamento, será emitido um Certificado de Formação Profissional, com aprovação (sem classificação atribuída), na plataforma SIGO.

Se pretender ficar em lista de espera, por favor registe-se aqui

2024-03-19
2024-04-06
14h30m – 16h30m

Preço membro

€ 50

Preço não membro

€ 150

Membro Estudante

€ 30
Dúvidas?
Partilhe a engenharia que há em tudo o que há
Poderá gostar também...

Acompanhe as nossas notícias em HáEngenharia.pt