Materiais e Processos Cerâmicos

Sinopse
A cerâmica é uma área com um perfil bastante rico que vai do mais tradicional ao contemporâneo, do técnico ao artístico, da produção manual à produção automatizada e, em Portugal, algumas das empresas começam já a trilhar os caminhos da indústria i4.0. Efetivamente, é um setor com um perfil e uma panóplia de empresas e produtos com grandes contrastes que se completam e com um conhecimento técnico e empírico, que é invejável e invejado pelo mundo, contexto a que não será alheio o facto sermos o segundo no ranking mundial a nível de produção de louça utilitária e decorativa, suplantados apenas pela China um país muitas vezes maior do que Portugal. No entanto, é um setor que muitas vezes é pouco atrativo denotando alguma dificuldade de recrutamento de técnicos, nomeadamente jovens, pela sua conotação como uma indústria mais tradicional e de mão de obra intensiva, que atualmente na grande maioria das empresas não retrata efetivamente o contexto setorial. Tem havido uma evolução significativa nos produtos, na inovação e automatização dos processos, que vem sustentando o bom posicionamento do setor em termos de exportações. Com esta ação pretende-se apresentar a tipologias de materiais e o contexto técnico e tecnológico dos vários subsetores abordando alguns conceitos básicos e requisitos técnicos exigidos aos diferentes tipos de materiais cerâmicos. Competência de saída Capacidade de identificação dos diferentes tipos de produtos cerâmicos e das suas características específicas e aplicações.
Destinatários
Membros e não membros. Técnicos de empresas do setor cerâmico e setores afins, numa lógica de formação ao longo da vida e jovens engenheiros com interesse em complementar os seus conhecimentos específicos neste domínio cientifico e tecnológico que lhes possam promover novas oportunidades de emprego.
Conteúdos programáticos
M1 – Materiais e processos cerâmicos industriais Contextualização:
  • Indústria Cerâmica
  • Setores e Tipologia de produtos
Matérias-primas e a Indústria Cerâmica:
  • Matérias-primas de uso comum na cerâmica (argilas, quartzo, feldspatos e feldspatoides, calcite e talco).
  • Composição das argilas; classificação industrial das argilas; propriedades relevantes para o processo cerâmico.
Processos Cerâmicos:
  • Preparação das Matérias-primas e composições
    • Mistura e Moagem
    • Atomização
    • Extrusão
  • Processos de Conformação
    • Via líquida: enchimento tradicional e alta pressão
    • Via plástica: Moldagem e contramoldagem, prensagem plástica e rollers.
    • Via seca: Prensagem.
  • Processos de Secagem
  • Processos de Vidragem
  • Processo Cozedura e transformações
  • Controlo de qualidade e defeitos
Processos cerâmicos por setor
  • Cerâmica Estrutural: Fluxograma do processo.
  • Pavimento e Revestimentos
  • Louça Utilitária e Decorativa e Sanitários
  • Refratários
M2 – Tecnologias avançadas de fabrico aditivo Introdução ao fabrico aditivo
  • Conceitos introdutórios
  • Visão geral sobre as tecnologias de FA
Tecnologias para cerâmicos
  • Tecnologias disponíveis
  • Técnicas de consolidação e de pós-processamento
  • Classificação e comparação entre as tecnologias
  • Matérias-primas
Equipamentos
  • Fornecedores de equipamento
  • Diferenças entre as soluções existentes
Materiais e aplicações
  • Materiais
  • Relação entre as tecnologias, materiais e aplicações
  • Campos de aplicação e exemplos
Mercado atual e perspectivas futuras
  • Indicadores de mercado
  • Empresas
  • Necessidade de melhoria e desenvolvimentos
Observações
Idioma: Português

Se pretender ficar em lista de espera, por favor registe-se aqui

Partilhe a engenharia que há em tudo o que há
Poderá gostar também...

Acompanhe as nossas notícias em HáEngenharia.pt